domingo, 23/02/2020

Alimentos orgânicos e o mercado atual

Compartilhe:
(*) Talita Costa

Os consumidores estão cada vez mais interessados em sustentabilidade e em alimentos mais saudáveis e estão dispostos a pagar o preço.

O Brasil está se  tornando grande produtor e exportador de alimentos orgânicos, muitos produtores ou a maioria oriundos de agricultura familiar.

O governo estabeleceu ações que oferecem linhas de financiamento especiais para o setor e incentiva projetos de transição de lavouras comuns para lavouras orgânicas.

O registro formal dos produtos para a comercialização, os selos e certificados são fundamentais para garantir a procedência e conquistar mercados consumidores.

Já existe um desequilíbrio entre produção e procura pelo produto, havendo falta nos mercados e feiras. Dessa forma, muitos produtores têm se organizado em cooperativas a fim de unir forças para atingir a produção suficiente.

O consumo deste tipo de alimento traz tantos benefícios à saúde, quanto para o meio-ambiente, e ainda promove uma integração socioeconômica. São produtos mais nutritivos porque conservam os compostos bioativos presentes nos mesmos.

Você também pode aplicar a sustentabilidade e produzir alimentos em casa com uma horta doméstica. Além de garantir a oferta, também deixa sua saúde cada vez melhor!

(*)Talita Xavier Costa é nutricionista e escreve quinzenalmente, às sextas-feiras, no portal. Ela é pós-graduada em Gestão, Qualidade e Segurança em Alimentação, especialista em Auditoria em Alimentação e Nutrição; e especialista em Alimentação Escolar.

Compartilhe:
Powered by Rock Convert

Leia Também

A gastronomia funcional e seus benefícios

A nutrição possui muitas ramificações e pode ser dividida por diversas áreas ou segmentos. Dentro …