segunda-feira, 22/10/2018
Início » Colunistas » Carolina Matias » Ariadne Pinheiro, um fenômeno no Wattpad
Duplichaves
A escritora Ariadne Pinheiro tem mais de 1 milhão de seguidores

Ariadne Pinheiro, um fenômeno no Wattpad

Share Button

Por: Carolina Matias

Com 1,87 mil seguidores e 265 mil leituras na sua principal obra, Sortilegium – A chave para o inferno – a baiana radicada em São Paulo, Ariadne Pinheiro de 21 anos, é um dos fenômenos da plataforma citada anteriormente Wattpad. Ahri como gosta de ser chamada pelas leitoras, amigos e familiares, é dona de uma escrita leve, de histórias profundas e enredos de tirar o fôlego.

Em sua estreia na plataforma, que lançou outros autores como Anna Todd da série After e a brasileira Mila Wander do picante O Safado do 105, Ariadne tem conquistado leitoras, amigas e corações com a história de Sortilegium que fala sobre uma garota ingênua e religiosa que descobre um novo mundo e o amor ao ingressar na universidade.

Na sinopse oficial, a personagem principal Adrienne já dá uma ideia ao leitor do que encontrará na leitura. “Eu estava prestes a me casar. Eu amava Douglas Carter o bastante para não ver que não era o que eu queria, e sim o que as famílias queriam. E então, ele apareceu. Era difícil de acreditar que em meio a bilhões, alguém pudesse me convencer de que eu era mais do que isso… Mais que uma garota doce e pura. Ele era o meu escritor predileto, o meu professor de literatura e a chave do meu inferno.”

Em entrevista exclusiva para o Só Sergipe, Ariadne fala sobre família, inspirações e planos para os próximos livros.

 

SÓ SERGIPE – Como você entrou nesse mundo dos escritores? E como conheceu a plataforma wattpad?

Ahri – Bom, eu conheci em 2014, sob recomendação de uma amiga (que inclusive temos contato até hoje, e ela leu o meu livro), e no mesmo ano eu tentei escrever uma história, mas infelizmente não consegui. Eu achava que não tinha vocação para isso, então a excluí.

 SS – Qual a sua inspiração para a estória de Sortilegium? Atualmente o livro está com 265 mil leituras, você tem a pretensão de publicá-lo em material físico?

Ahri – A inspiração se resume em nada mais que a coragem, a capacidade de fazermos qualquer coisa por um desejo, o quanto isso pode nos salvar ou nos corromper. Os valores de família e religião também são incluídos, e a minha intenção foi sempre buscar a realidade humana, a falha, os pensamentos que todos nós temos. Quanto a publicar em material físico, sim.Se possível no próximo ano! É um grande objetivo que pretendo alcançar!

SS – A história de Sortilegium se passa em outro país, qual? Você tem a pretensão de publicar uma história com personagens brasileiros em terras brasileiras?

Ahri – Minnesota, EUA. Sim! Inclusive é um dos meus projetos!!!!

 SS – Você ainda não vive de renda única e exclusivamente dos livros, então como faz pra conciliar o emprego fora e a escrever as histórias?

Ahri – Por milagre! Hahaha,  brincadeira. Chega a ser um pouco difícil às vezes pela falta de tempo, mas o que me move é a certeza que tive quando terminei de escrever Sortilegium, de que definitivamente, eu quero fazer isso – escrever livros – pro resto da minha vida. É maravilhoso encontrar algo que queiramos fazer dentre tantos objetivos aleatórios.

SS – Sua família te apoia? Sei que sua mãe é uma grande fã do seu livro, mas e o resto da sua família sabe do seu talento?

Ahri – Apoia, por mais que alguns não tenham paciência de ler. Minha mãe foi parte importantíssima na criação da história, pois é a pessoa que mais me aproxima da religião similar à da protagonista. Existiu uma troca de informações, coisas que eu não sabia e que mudaram minha forma de pensar, até de agir. Mas sim, eles apoiam. Hahaha

SS – Existe um cronograma para as suas próximas histórias? Quais são as suas próximas publicações?

Ahri – Existe! Atualmente eu estou postando Peligro no Wattpad, que conta a história de Victor Montano, o assassino de aluguel da máfia americana que se apaixona pela esposa do seu chefe, e os feedbacks estão bem positivos! Mas, após esta obra, eu irei repostar três histórias adolescentes, para fugir um pouco desses temas mais “pesados” e ajudar na ressaca literária das leitoras com assuntos mais leves. E em 2020, será postado o terceiro livro da série Intensos, Invictus, que conta a história de Tyler Jordan, o chefe do corpo de bombeiros de Atlanta, que luta por uma vida que não quer ser salva, a de Johanna. Estou muito empolgada e fora estas obras concretas, estou com alguns projetos no papel.

SS – Você tem algum autor preferido? Qual? Qual seu estilo de leitura preferido?

Ahri – Com certeza Nietzsche, ele é maravilhoso. De verdade e tipo, ele foi a minha maior inspiração para escrever Sortilegium. Meu estilo é sempre romance hahah. ♥

As próximas histórias de Ariadne já estão com suas respectivas capas e sinopses disponíveis no Wattpad, então quem se interessar pode correr para a plataforma e conferir de perto todo o talento dessa moça incrível.

Obra finalizada: Sortilegium – A Chave do Inferno link https://www.wattpad.com/story/128705010-sortilegium-a-chave-do-inferno-completo

Obra em andamento: Peligro – Uma Paixão Letal link https://www.wattpad.com/story/147092713-peligro-uma-paix%C3%A3o-letal-ii

Obra programada: Invictus – Entre o Amor e o Fogo

link https://www.wattpad.com/story/147092713-peligro-uma-paix%C3%A3o-letal-ii

Share Button
WWebsites

Leia Também

Equipe do Confiança sub 20 estreia na Copa do Nordeste

Neste sábado, 20, a categoria do sub 20 do Confiança fará sua estreia na Copa …