sexta-feira, 14/12/2018
Início » Editorias » Esportes » Guarda prisional feminina é a melhor em torneio de tiro
Duplichaves
Edlamar Sousa, a melhor entre as mulheres da Sejuc, com pistola ponto 40. Na foto, com o diretor da Egesp, Delmário Magalhães

Guarda prisional feminina é a melhor em torneio de tiro

Share Button

A guarda prisional da Secretaria de Justiça e de Defesa do Consumidor (Sejuc), Edlamar Sousa Santos foi a melhor atiradora com pistola ponto 40 da pasta durante o I Torneio Feminino de Tiro da Polícia Civil de Sergipe, que ocorreu ontem e hoje no estande de tiro da Academia da Polícia Civil (Acadepol).

A equipe feminina de tiro da Sejuc

“Fui a primeira colocada na equipe da Sejuc”, disse Edlamar, acrescentando que outras quatro guardas prisionais participaram do torneio, que reuniu mulheres de diversos organismos de segurança pública no Estado. Ela avisou que atira muito bem com espingarda calibre 12.

Além de homenagear as mulheres, o troféu levou o nome da delegada da Polícia Civil, Ana Paula Moreira, que morreu recentemente por causa de problemas de saúde.

Edlamar, que recebeu um cesta de brindes do diretor da Escola de Gestão Penitenciária (Egesp), Delmário Magalhães, foi a primeira mulher a integrar o Grupo de Operações Penitenciárias Especiais (Gope), que faz incursões nos presídios em caso de distúrbios.

Share Button
WWebsites

Leia Também

Sergipe e Estanciano decidem título na categoria sub-18

Nessa quinta-feira, 13, às 15:30h, no Baptistão, Sergipe e Estanciano decidirão o título de campeão …