sexta-feira, 20/09/2019
Início » Editorias » Negócios » Vendas de combustíveis em Sergipe tiveram queda de 1,4% em janeiro
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert
As vendas de combustíveis tiveram queda em janeiro Marcelo Camargo/Agência Brasil

Vendas de combustíveis em Sergipe tiveram queda de 1,4% em janeiro

Compartilhe:

As vendas de combustíveis em Sergipe em janeiro deste ano tiveram uma queda de 1,4%, na comparação com dezembro do ano passado. Os dados são da Agência Nacional de Petróleo (ANP) mostrando que, na comparação com janeiro de 2018 houve uma leve alta de 0,4%.  Em janeiro de 2019, as vendas totalizaram pouco mais de 67 milhões de litros de combustíveis no Estado.

Foram vendidos 31,7 milhões de litros de gasolina, em janeiro. Em termos relativos, verificou-se queda de 3,7% nas vendas, em relação ao mesmo mês de 2018. Já na comparação com o mês de dezembro de 2018, a retração foi de 0,2%.

A comercialização do etanol hidratado assinalou alta de 51,4%, quando confrontado com o volume de vendas do mesmo mês de 2018. Em volume, as vendas chegaram a 6,1 milhões de litros. Quando comparado com o mês de dezembro de 2018, notou-se retração de 14,8% no consumo.

 No tocante ao óleo diesel, foram comercializados 26,7 milhões de litros no mês de janeiro. Em termos comparativos, verificou-se leve alta de 0,1%, em relação ao mesmo mês de 2018. Quando comparado com o mês de dezembro de 2018 as vendas também apresentaram alta de 0,1%.

A venda do combustível utilizado pelas aeronaves, o chamado querosene de aviação, alcançou os 2,5 milhões de litros, apresentando recuo de 19,2%, em relação a janeiro de 2018. Na comparação com o mês imediatamente anterior (dezembro/2018), as vendas avançaram em 5,5%.

 As análises foram feitas pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da Universidade Federal de Sergipe (UFS).

JOB Connect - Coworking e Escritório VirtualPowered by Rock Convert
Compartilhe:

Leia Também

Selic pode chegar a 4,5% até final do ano, acredita assessor da BP Investimentos

O assessor de investimentos da BP Investimentos, credenciada a XP em Sergipe, Wilden Júnior, acredita …

WhatsApp chat