quarta-feira, 01/09/2021

As artes dentro do contexto cultural

Iginio Rivero Moreno (*)

Ao falar de cultura, é indiscutível o relacionamento com as manifestações artísticas. Embora tenham explicado que não se resume a cultura pelas artes, são as artes a parte importante das manifestações culturais. São as artes que estão mais perto da materialização da espiritualidade humana, permitindo perceber pelos sistemas sensoriais o mais profundo das emoções e pensamentos dos artistas, assim como as expressões dos contextos históricos em que são construídas ou constituídas as obras de arte. Isso é um fato de caráter universal.

Então, está na natureza humana admirar as expressões das artes, ou pelo menos sentir sensibilidade, curiosidade, adversidade.  Mas não passa despercebida da nossa observação. A identificação é inevitável. Seja pró ou contra o estilo, tema ou proposta com o que a obra de arte consiga nos impactar, pelo simples fato de ser humano.

Por isso, geralmente acontece em moradores urbanos que a nossa alma cansada do barulho e agitação espere com desejo as folgas de umas férias que permitam tirar todo esse estresse e proporcionar uns momentos de paz, ou pelo menos nos aturdir com outras coisas diferentes das nossas rotinas mecanizadas que nos robotizam, para sentir a ilusão de liberdade. E é possível nas artes – música, dança, teatro, cinema, exposições, artesanato –  que a gente consiga essa esperada sensação.

Assim, as manifestações artísticas se convertem numa parte indispensável da atividade turística.

(*) Poeta e artesão venezuelano. Licenciado em Educação, especializado em Desenvolvimento Cultural pela Universidade “Simón Rodríguez”, Venezuela.

** Esse texto é de responsabilidade exclusiva do(a) autor(a).  Não reflete, necessariamente, a opinião do Só Sergipe.

Leia Também

Os estranhos cavalinhos de J. J. Veiga

O nome do livro já provoca um meio-espanto: Os Cavalinhos de Platiplanto. O curioso pergunta-se: …