terça-feira, 11/08/2020
Produção terrestre continua em baixa

Repasse de royalties caiu 8,3% em outubro

Compartilhe:

O pagamento dos royalties de petróleo em Sergipe teve uma queda de 42,2%, no acumulado de janeiro a outubro deste ano, em comparação a igual período do ano passado.  Nesse período foram pagos R$ 81,8 milhões. Somente no mês de outubro, esse valor chegou a R$ 6,6 milhões, valor referente a agosto.  No comparativo com  o mês imediatamente anterior, setembro, verificou-se uma queda de 8,3% no pagamento dos royalties.

O estudo foi divulgado hoje, 10, pelo Boletim Sergipe Econômico, uma parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Em outubro, o município de Japaratuba apresentou o maior recebimento de royalties no Estado, chegando a R$ 1,7 milhão. Em seguida aparecem Carmópolis e Aracaju que receberam R$ 1,6 milhão e R$ 1,5 milhão em royalties, respectivamente. Os municípios de Pirambu, Riachuelo e Maruim também merecem destaque, com receita de R$ 1,2 milhão cada, referente à extração de petróleo e gás.

Compartilhe:

Leia Também

Caixa credita saque emergencial do FGTS para nascidos em julho

Os trabalhadores nascidos em julho começam a receber hoje (10) o crédito do saque emergencial do Fundo …

Deixe uma resposta