sábado, 26/09/2020
Ernan Sena, do Sergipe, e Wilson Mendonça, do Itabaiana: Sergipão só no final do ano

Presidentes do Sergipe e do Itabaiana defendem que o Campeonato Estadual recomece no final do ano

Colunista esportivo Charles Hardman

Os presidentes do Clube Sportivo Sergipe e do Itabaiana, Ernan Sena e Wilson Mendonça, respectivamente, defendem que o Campeonato Sergipano seja retomado no final do ano e não no dia 25 de julho, como propõe o presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Milton Dantas. Mais enfático, Wilson Mendonça, sugere que o recomeço aconteça em dezembro, sem prejuízos para o campeonato do próximo ano. Ernan fala em reiniciar no final do ano, sem contudo, especificar o mês.

Mendonça, que é presidente interino do Itabaiana, disse, durante entrevista à Rádio Aperipê, que “está muito em cima, porque não é só regularizar a equipe. São outros problemas também: de saúde, fazer exames de atletas, além da condição física. Mas, eu vou aguardar primeiro o pronunciamento do governador Belivaldo Chagas, na segunda-feira, 29, e depois disso tomar as providências”. No entanto, acrescentou,  que não vai tomar nenhuma decisão sem consultar o conselho. “Estou interino, então tudo vai ser dividido”, disse.

Para Wilson Mendonça pelas condições do clube, que está com salários atrasados há dois meses, o ideal seria que o campeonato fosse para o mês de dezembro antes de começar o outro. E isso, segundo ele, durante reunião na quarta-feira (24) foi conversado com o presidente da FSF, Milton Dantas. Na ocasião, Dantas pediu primeiro para aguardar um novo pronunciamento do governador Belivaldo Chagas. “Afinal, a data já foi adiada duas vezes. Então, depende muito dos acontecimentos no país, essa doença está crescendo muito”, frisou Mendonça.

Momento ruim

Já o presidente do Sergipe, Ernan Sena, também defende que a data de retorno do quadrangular final seja postergada. “O ideal é que aconteça no final do ano, antes do próximo estadual. O momento agora está ruim para todos. Hoje nós não temos condições financeiras de manter toda a segurança dos atletas. Além do que, a gente tem medo de que aconteça uma situação de aumento na ocupação dos leitos hospitalares e com isso tenha que fechar tudo. Nesse caso, se os atletas já estiverem aqui vão querer que sejam cumpridos os contratos. E quem vai arcar com esses custos? Por isso que a gente tem defendido que o campeonato seja mais para frente. Mas Miltinho disse que não tem data disponível”, afirmou  referindo-se ao presidente da FSF.

Ernan Sena acrescentou ainda que se for o caso de o campeonato retornar, o Sergipe não tem local para realizar os treinos a não ser que o Governo do Estado libere o Baptistão. Até porque, “cedemos o nosso campo para que fosse montado o hospital de campanha para ajudar a população no combate ao coronavírus”, explicou.

Apesar disso, Ernan Sena vem mantendo contato com a comissão técnica e com os jogadores. Isso porque, em caso de retorno do campeonato “temos interesse do grupo para no mais tardar no dia 05 de julho a gente iniciar os treinamentos e ter no mínimo 20 dias de preparação antes do estadual, o que será um sacrifício, garantiu”.

Quadrangular final do Sergipão

Restam cinco rodadas para o término do campeonato. O Confiança é o líder com três pontos na tabela seguido pelo Frei Paulistano e Sergipe, ambos, um ponto ganho. O Itabaiana ocupa a quarta posição e ainda não pontuou nesta fase. Esta é a única competição do Sergipe, enquanto o Itabaiana ainda terá pela frente a série D do Brasileirão.

Leia Também

Grupos discutirão sobre o acervo da capoeira no Brasil

No dia 3 de outubro, sábado, a partir das 16h, os Grupos de Capoeira Ginga …