quarta-feira, 16/10/2019
Início » Editorias » Cidades » Gati e Polícia Civil prendem quadrilha
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert
Material apreendido com os meliantes Foto: Gati/PM

Gati e Polícia Civil prendem quadrilha

Compartilhe:
JOB Connect - Coworking e Escritório VirtualPowered by Rock Convert

As Polícias Civil e Militar, por meio do Departamento de Crimes contra o Patrimônio e do Grupo de Ações Táticas do Interior (Gati), realizaram a prisão de uma organização criminosa,no Guajará, em Nossa Senhora do Socorro,  composta por  quatro pessoas – uma delas, menor de idade – suspeitos de terem cometido um assalto ao Ceasa há alguns meses e de matarem o professor de capoeira, José Walter Santos, e ferido outras três pessoas, no Mercado Municipal Thales Ferraz,  no dia 22 de julho passado.

Capoeirista foi morto a tiros no Mercado Antônio Franco
Capoeirista foi morto a tiros no Mercado Thales Ferraz

Os agentes da Polícia Civil já realizavam levantamentos acerca dos indivíduos que foram presos, vindo a identificar o local que estava servindo de moradia. Eles se deslocaram até a área com o apoio de militares do Gati que realizaram o cerco e posteriormente uma entrada tática.

Os suspeitos foram surpreendidos pelos policiais que encontraram armas, sendo uma escopeta calibre 12 e uma arma caseira  ponto 44, colete balístico, munições de calibres 12,  ponto 36, ponto 44,  sete celulares e um notebook.

Os presos  foram José Vitor dos Santos, Eider Lima Santos, José Vitor dos Santos, e o menor de iniciais de 17 anos. Todos foram conduzidos a Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio com o material apreendido para que as demais medidas legais fossem adotadas.

Leia mais:

Tiroteio mata um e fere três no Thales Ferraz

 

Compartilhe:

Leia Também

Sergipe que o bloqueio de mais de R$ 289 milhões da União; manchas de óleo avançam

Powered by Rock Convert O Estado de Sergipe pediu na Justiça o bloqueio de mais …

WhatsApp chat