segunda-feira, 30/11/2020
resultado eleições municipais 2020 segundo turnoPowered by Rock Convert
Passarela do Caranguejo repleta de bares Foto: Setur/Emsetur

Governador ameaça fechar bares e restaurantes

O governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, ameaçou hoje, 27, proibir a abertura de bares e restaurantes, caso desrespeitem as normas sanitárias da Secretaria de Estado da Saúde. Ele alertou que vai intensificar a fiscalização neste final de semana, pois, tanto na capital como no interior, “recebeu informações de que alguns estabelecimentos não estão seguindo os protocolos e estamos vendo casos de aglomeração”.

Os bares e restaurantes amargaram cinco meses fechados e cerca de  mil pessoas perderam o emprego, segundo dados da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).  A reabertura dos serviços presenciais no setor de alimentação ocorreu no dia 19 deste mês.

“Se neste fim de semana repetir o que aconteceu no fim de semana passado, convoco uma reunião extraordinária do Comitê e voltamos a proibir a abertura dos bares e restaurantes. Não estou dizendo que a totalidade deixou de cumprir, mas recebi informações tanto do interior quanto da capital de estabelecimentos que não estão seguindo os protocolos e estamos vendo casos de aglomeração. Sempre dissemos que, no primeiro momento, estariam autorizados, porém que todos teriam que fazer a sua parte para não precisarmos retroceder”, destacou o governador.

“Nossa ação de fiscalização vinha no sentido de orientar, educar, mas teremos uma força tarefa neste fim de semana e as ações serão mais duras. O que eu quero evitar é o retorno de pessoas aos hospitais e para isso todos têm que fazer sua parte. Preciso da compreensão de todos para que os números continuem caindo”,  ressaltou Belivaldo Chagas.

Praias

Hoje, o governador anunciou que praias, parques e praças públicas estão liberados, mas com as pessoas usando máscaras.

Leia Também

Sergipe tem 198 mil desempregados; é a segunda maior taxa do país, segundo a PNAD Contínua do IBGE

O Estado de Sergipe tem a segunda maior taxa de desocupação do país, com 20,3%, …