terça-feira, 27/10/2020
Vista aérea do Hospital de Campanha Fotos: Marcelle Cristinne/PMA

Diretoria do Club Sportivo Sergipe e Emurb discutem processo de desativação do Hospital de Campanha

Colunista esportivo Charles Hardman

Nesta segunda-feira, 28, está prevista uma reunião entre a diretoria do Club Sportivo Sergipe e o presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), Sérgio Ferrari, para discutir sobre as fases de desativação do Hospital de Campanha, disse o presidente do Sergipe Ernan Sena.

O encontro servirá para definir como será realizado o processo de desmontagem da estrutura, assim como a estipulação de um prazo de entrega do estádio ao clube do “Mais Querido”.

O Hospital de Campanha foi montado no estádio João Hora de Oliveira, de propriedade do Sergipe, para atender a população em caráter emergencial por causa da pandemia da covid-19.

“De acordo com as informações passadas pelo secretário Municipal de Finanças, Jeferson Passos, primeiro ocorrerá a retirada e a redistribuição dos materiais e equipamentos hospitalares para outras unidades de saúde. Logo em seguida, será feita a desmontagem da estrutura física. O processo será realizado num prazo entre 15 a 30 dias”, explicou o presidente do Sergipe, Ernan Sena. Ele acrescentou ainda que após a desmontagem do hospital de campanha será feita a recuperação da estrutura física e do gramado no João Hora de Oliveira.

Na última sexta-feira, 25, a diretoria do Club Sportivo Sergipe esteve reunida com representantes da Prefeitura de Aracaju, alinhando e discutindo o assunto, lembrou Ernan Sena.

Calendário

O Sergipe é o atual vice-campeão estadual. Com isso, no próximo ano terá um calendário de competições mais recheado. O time colorado participará do Campeonato Sergipano, da Copa do Brasil e da série D do Campeonato Brasileiro.

Leia Também

Brasileirão: de virada, Itabaiana bate o Vitória da Conquista e entra no G4

O Itabaiana derrotou o Vitória da Conquista, de virada, por 3×2 e com isso entrou …