domingo, 29/08/2021
A alta nos preços dos alimentos pesa no bolso dos sergipanos Foto: Agência Brasil

A inflação dos alimentos e a sua renda

David Rocha (*)

Nos últimos 12 meses, a inflação dos alimentos em Aracaju foi de 20,14%, segundo dado do Dieese. Mas, e sua renda, quanto aumentou?

Venho defendendo que devemos começar a nos preocupar com a inflação atual não somente como algo passageiro, mas como algo que vai perdurar e por em xeque o estilo de vida de cada um de nós.

Você já deve ter sentido que comprar alimentos está cada vez mais caro e isso provavelmente já começou a afetar seu estilo de vida, pressionando suas contas. Mas se fossem somente os alimentos o cenário não seria tão complicado, pois poderia ser algo passageiro.

O problema está no fato de que quase todos os setores tiveram alta nos preços. O combustível, os remédios, planos de saúde e por aí vai… Mas devemos apenas nos resignar e deixar a vida nos levar?

A resposta é um sonoro não!

O cenário atual está nos desafiando a gerar mais renda, não só para consumir como também para investir e ficar mais tranquilo nos próximos eventos. Mas com as empresas fechando ou reduzindo o quadro de funcionários, como podemos arrumar mais renda?

Devemos lembrar que existem dois tipos de renda:

A ativa que é aquela que você ganha ao dedicar tempo para fazer, ou seja, qualquer trabalho remunerado, é uma fonte de renda ativa. Hoje existem diversas formas de se gerar renda extra ativa nas horas vagas e com isso complementar e investir mais.

E a renda extra passiva que é aquela que não depende de nosso tempo para ser criada, mas necessita de certo esforço inicial para ser criada e depois ela por si só se retroalimenta.

O melhor é que você pode mesclar suas fontes de renda tanto do trabalho (a renda principal) como a renda extra ativa e a renda extra passiva, para criar um fluxo de caixa virtuoso que conseguintemente irá lhe dar tranquilidade.

Outro fator é que se as pessoas passarem a consumir, por terem renda extra, é possível que as empresas sobrevivam e voltem ao nível de produção anterior, baixando assim a inflação e salvando empregos.

As vantagens de você possuir renda extra são imensas, principalmente para você, mas auxilia toda a sociedade.

Então busque as melhores formas de renda extra e aproveite para ir em busca de sua liberdade financeira.

Atenciosamente,

(*) David Rocha escreve semanalmente, às terças-feiras. Ele é assessor de investimentos e educador financeiro, que vive o mercado diariamente, desde 2011, e autor do livro Tesouro Direto – Um Caminho para a liberdade financeira de 2016.

** Esse texto é de responsabilidade exclusiva do autor.  Não reflete, necessariamente, a opinião do Só Sergipe.

Leia Também

Conta do Instagram hackeada? Siga estes passos

O que os usuários do Instagram têm em comum? Se você fizer essa pergunta a …