sexta-feira, 29/05/2020
Os partidos de esquerda se unem e protocolam pedido de impeachment Foto: Lula Marques/PT na Câmara

Partidos de esquerda fazem pedido coletivo de impeachment de Jair Bolsonaro

Compartilhe:

O Partido dos Trabalhadores e outros seis partidos de esquerda (PCdoB, PSOL, PSTU, PCB, UP e PCO), juntamente com mais de 400 entidades da sociedade civil, juristas e personalidades, protocolaram na Câmara dos Deputados o primeiro pedido coletivo de impeachment do presidente Jair Bolsonaro, nesta quinta-feira, dia 21. Durante sessão do Congresso Nacional, o deputado federal João Daniel (PT/SE) parabenizou todos que juntos realizaram esse ato histórico e importante no dia de hoje em defesa da democracia e da Constituição.

O deputado federal João Daniel: “dar um basta”
Foto: César de Oliveira\ Agência Alese

O pedido aponta crimes de responsabilidade, atos de quebra de decoro e ataques à Constituição praticados por Bolsonaro, além de seu posicionamento de atentar contra a saúde pública e a vida da população diante da situação de pandemia do novo coronavírus vivida no Brasil. “É preciso darmos um basta ao governo Bolsonaro, é preciso abrir um processo de investigação, de impeachment, com o afastamento contra este presidente, que, aliás, só entrou no Palácio do Planalto graças a um grande golpe dado no Brasil”, frisou o parlamentar.

João Daniel acrescentou que, no último domingo, o país pode saber, não através da oposição, mas daquele que era aliado e cuidava da gravação dos programas eleitorais do hoje presidente da República, dono da casa onde Bolsonaro organizou a sua campanha, aquele que virou suplente do senador Flávio Bolsonaro, que denunciou e deixou claro que houve um conluio, inclusive com a participação da Polícia Federal, para que não houvesse operação que pudesse atrapalhar a campanha eleitoral. Dessa forma, ressaltou o deputado, retirou a possibilidade de o povo brasileiro eleger, pela quinta vez, um governo democrático e popular, naquela ocasião representado pela candidatura de Fernando Haddad.

 

“Tiraram o presidente Lula, tiraram a presidenta Dilma, tentaram de todas as formas impedir que as oposições que se fazem nesta Casa, os setores democráticos e os setores populares continuassem governando este país”, afirmou João Daniel. Segundo o deputado, neste momento, os parlamentares podem debater todos os assuntos, mas há um assunto em pauta que a sociedade brasileira e este Congresso precisa saber, respeitando as ideias da nossa Constituição. “O presidente Rodrigo Maia precisa abrir um processo de impeachment para que o Congresso debata o verdadeiro problema que hoje assola este país: quem está dentro do Palácio do Planalto fazendo mazelas e não cuidando do nosso povo. Pela instalação do afastamento e do processo de impeachment já no Congresso Nacional!”, finalizou João Daniel.

Compartilhe:

Leia Também

TRE cassa o mandato do deputado federal Valdevan 90; parlamentar vai recorrer

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou hoje,28, o mandato do deputado federal José Valdevan de …