segunda-feira, 14/10/2019
Início » Editorias » Política » Manifestações contra Dilma em Aracaju
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert

Manifestações contra Dilma em Aracaju

Compartilhe:

Cerca de 1,5 mil pessoas participaram neste domingo, 12, em Aracaju, de uma passeata contra o governo Dilma Roussef. Desta vez,  a concentração ocorreu na avenida Beira Mar, praia 13 de Julho, na zona sul da capital. O protesto foi marcado por dois pequenos incidentes: o primeiro foi quando, de um  prédio, algumas pessoas gritavam em favor da presidente e as outras que estavam na passeata não gostaram. Houve um pequeno bate boca entre elas , mas sem necessidade de interferência da Polícia Militar. O outro, na mesma avenida, ocorreu quando uma pessoa jogou um ovo contra outras que estavam  em cima  de um mini trio comandando a caminhada. Inexplicavelmente, o ovo não quebrou.

ptesgotoO jornalista Murilo Gomes, integrante dos movimentos  “Vem para Rua” e “Muda Sergipe”, disse que esperava mais pessoas, mas reconheceu a dificuldade de reunir tanta gente.  No último dia 15 de março, o ato aconteceu pela manhã na praia da Atalaia, e reuniu  pouco mais de 2 mil pessoas. O  organizador mudou o local e horário porque as pessoas reclamaram do sol de muito forte. A chuva que o serviço de meteorologia estava prevendo para este domingo a tarde, não caiu.

De acordo com Murilo, o chamado  para essa nova manifestação  foi pelas redes sociais. Vestidas de verde e amarelo as pessoas saíram portando faixas  e cartazes com os dizeres “Fora Dilma” e também com uma lista de motivos para justificar a presença naquele ato. Todas disseram que estavam indignadas com a condução do país e  exigiam a saída da presidente.
Petrônio Gomes - Médico
Petrônio Gomes

Entre os principais motivos da lista estão: aumento da inflação, corte na educação, aumento na conta de luz, excesso de ministérios, mensaleiros soltos, estelionato eleitoral, economia em crise, escândalo do Programa Mais Médico.  “Estou aqui,  justamente, para protestar contra esse programa Mais Médico”, disse  o médico Petrônio Gomes.

Por três vezes, durante a manifestação que começou às 15 horas e terminou às 18 horas, as pessoas cantaram o Hino Nacional. O ex-deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores, João  Fontes, disse que hoje se sente enganado  e pediu a saída de Dilma Roussef e de todo “ o PT do poder”. Num discurso inflamado, ele  afirmou que “existem canalhas no poder” e citou um trecho do  poema Guitarra, de Cecília Meireles, para dizer como se sente:  “a maior pena que eu tenho, punhal de prata, não é de me ver morrendo, mas de saber quem me mata”.

Veja o vídeo de João Fontes

Veja o vídeo de João Fontes

Ruas – A manifestação deste domingo acompanha as demais que ocorreram em 24 capitais e no Distrito Federal, além de diversas cidades do interior do País,  quando milhares de pessoas foram às ruas protestar contra a atual administração federal. O descontentamento e a indignação contra a presidente Dilma Roussef e os escândalos de corrupção que pipocam no país são cada dia mais crescentes.

Na semana passada, o Sosergipe foi às ruas de Aracaju e ouviu diversas pessoas que pediram a renúncia ou impeachment da presidente Dilma Roussef. Veja o vídeo.

Compartilhe:

Leia Também

Governador de Sergipe põe em xeque a competência da Petrobras para lidar com desastres

O governador de Sergipe, Belivaldo Chagas,  colocou em xeque, hoje, 11, a competência da Petrobras …

WhatsApp chat