quarta-feira, 19/06/2024
Energisa
Energisa combate o furto de energia Foto: Ascom/Energisa

Energisa recuperou energia suficiente para abastecer 3,7 mil residências por um ano

Compartilhe:

 

A Energisa Sergipe recuperou 9.970 MWh de energia de janeiro a maio deste ano. A energia seria suficiente para abastecer aproximadamente 3,7 mil residências durante um ano com consumo médio de 220 KWh/mês, em cada imóvel. As equipes registraram mais de 4 mil irregularidades nos 63 municípios de atuação da distribuidora. Furto e fraude de energia são crimes e impactam o fornecimento de energia, além de trazer riscos de segurança para a população.

O coordenador de combate a perdas da Energisa Sergipe, Bernard Gouveia, explica que as ações foram realizadas em parceria com a Polícia Civil e a Polícia Científica. “As inspeções são realizadas diariamente pelas equipes. Neste mês de maio, por exemplo, essas irregularidades foram encontradas, principalmente em estabelecimentos comerciais. Lembrando que essas ações clandestinas impactam o fornecimento de energia e podem causar acidentes fatais. Somente profissionais da Energisa estão autorizados a intervirem na rede elétrica”, orienta.

Bernard ainda alerta que o mês de junho é marcado por festejos em todo estado e muitos aproveitam a época para abrir pequenos negócios. A orientação é solicitar a ligação provisória com antecedência e evitar as ligações clandestinas ou gambiarras que podem causar acidentes graves e a interrupção do fornecimento de energia na região.

“Junho é um mês muito festivo em Sergipe. Quem for abrir um novo negócio ou realizar eventos, solicite a ligação provisória com antecedência junto à Energisa. Não façam ligações clandestinas, pois trazem risco não só para quem pratica, mas para todas as pessoas ao redor do comércio, podendo gerar falta de energia na localidade por sobrecarga”, orienta Bernard.

As ligações provisórias devem ser informadas à Energisa com antecedência mínima de cinco dias úteis. O cliente deve ir até uma agência da Energisa e informar o período em que a energia será utilizada, apresentar RG, CPF, e obrigatoriamente a ART (Anotação de Responsabilidade Técnica), além da relação dos equipamentos que serão usados no estabelecimento com suas respectivas potências, em watts ou kilowatts.

Como denunciar

A Energisa fiscaliza com frequência a rede elétrica para constatar irregularidades, mas a população também denunciar as ligações clandestinas e fraudes nos medidores de forma anônima pelo telefone 0800 079 0196, pelo whats app www.gisa.energisa.com.br ou pelo aplicativo Energisa On.

 

 

Compartilhe:

Sobre Só Sergipe

Portal Só Sergipe
Site de Notícias Levadas a Sério.

Leia Também

Em evento do G20, Edvaldo defende participação das cidades no enfrentamento de problemas globais

  “A inclusão das cidades brasileiras na reforma dos mecanismos de governança global é o …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat