sábado, 30/05/2020

O consumo de gás natural caiu 10,5% no mês de abril em Sergipe

Compartilhe:

O consumo de gás natural em Sergipe caiu 10,5% em abril, em comparação com igual período do ano passado. Também houve uma retração de 8,1% em abril, ante março deste ano. Os percentuais foram divulgados hoje, 6, pelo Boletim  Sergipe Econômico, uma parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (ABEGÁS).

O consumo médio das indústrias sergipanas foi de 140,3 mil m³/dia, menor 9,1%, na comparação mensal (março/2017), entretanto na comparação com o mesmo mês do ano anterior (abril/2016) a queda chegou aos 14,6%. Entretanto, de acordo com a Abegás, o setor vê possibilidades promissoras para o aumento da competitividade do gás natural no País, a partir da permanência de Fernando Coelho como ministro de Minas e Energia.

Analisando por segmento, o consumo nas indústrias continua tendo a maior participação (59,6%), seguido pelo consumo automotivo (postos), com 36,6%. Em conjunto, estes segmentos responderam por mais de 96,2% do total de gás consumido em Sergipe.

O consumo do segmento veicular somou 86,3 mil m³/dia, apresentando queda de 4,9%, em relação ao mês anterior. E retração de 3,6% na comparação com o mesmo mês do ano anterior. Já o consumo de gás natural para cogeração ficou em 1,4 mil m³/dia, o que representou recuo, na comparação mensal, de 33,6%. Na comparação anual (abril/2016) a redução ficou em 33,9%.

Nas residências e no comércio, o volume consumido foi de 4,5 e 3,1 mil m³/dia, respectivamente. Para as residências, o consumo de gás apresentou redução de 17,4%, já no comércio, o consumo foi 18,7% inferior, ambos em relação ao mês anterior. Em relação ao mesmo mês do ano anterior (abril/2016), o consumo residencial ficou 3% acima, enquanto o consumo comercial cresceu 1%.

 

Compartilhe:

Leia Também

Ex-alunos da Unit começam a receber restituição por disciplinas não cursadas

Em um mês, cerca de 33% dos ex-alunos solicitaram a restituição de valores correspondentes a …