sábado, 24/08/2019
Início » Editorias » Cidades » Cinco pessoas são presas por furto de água
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert
Equipe da Deso constata irregularidade Foto: Marcos Rodrigues

Cinco pessoas são presas por furto de água

Compartilhe:

Cinco pessoas foram presas em flagrante por furto qualificado, durante operação realizada, hoje,23, pela 1ª Promotoria de Justiça Especial de Nossa Senhora do Socorro, Deso e Polícia Militar. O objetivo foi combater as ligações irregulares de água no Estado.

A operação  começou na segunda-feira, no bairro Novo Horizonte. Dos 37 imóveis visitados na localidade, foram constatadas irregularidades em 35, sendo que 02 se encontravam fechados.

De acordo com a Promotora de Justiça Gicele Mara Cavalcante D’Avila Fontes, desde 2017, a Promotoria de Justiça do Consumidor de Nossa Senhora do Socorro, ante aos problemas de abastecimento de água no Loteamento Novo Horizonte, solicitou a Deso a realização de  vistorias.

A partir daí foi constatado um número elevado de ligações suprimidas e clandestinas, inclusive com a instalação de bombas na rede, o que acarreta graves problemas no fornecimento de água.

Campanhas

A Promotora de Justiça esclarece, ainda, que ligações suprimidas são aquelas onde o consumidor solicita a ligação de água para seu imóvel e posteriormente requer o desligamento, o que geralmente denota que a água está sendo usada de forma irregular, uma vez que a água é imprescindível para a vida.

Visando solucionar o problema das ligações clandestinas de água no Loteamento Novo Horizonte, foram promovidas campanhas educativas, com a distribuição de panfletos, carros de som e plantões da Deso durante os finais de semana, onde funcionários da empresa orientavam a população de como regularizar o fornecimento de água.

Foi ainda realizada audiência pública na Promotoria de Justiça e enviadas notificações aos consumidores pra que se dirigissem a Deso a fim de formalizar o pedido de ligação de água, entretanto, poucos foram os que compareceram à empresa.

Estrutura preparada

“O furto de água causa prejuízos a toda a população, quem frauda compromete o abastecimento de toda a cidade, pois afeta o fluxo e a vazão de água, aumenta o desperdício, além do risco de contaminação da rede de água pelo esgoto”.

A Coordenadoria de Polícia Civil da Capital acompanhou a operação e deu suporte na confecção dos autos de prisão em flagrante relacionados ao furto de água.

De acordo com a delegada Nalile Bispo, o trabalho da Criminalística foi realizado com o intuito de periciar as possíveis fraudes no sistema de abastecimento de água. “Toda a estrutura da 5º Delegacia Metropolitana foi preparada para receber as demandas dessa operação. Serão instaurados procedimentos para investigar todas as fraudes e responsabilizar criminalmente os seus autores”.

JOB Connect - Coworking e Escritório VirtualPowered by Rock Convert
Compartilhe:

Leia Também

Emsurb suspende as fiscalizações e notificações da taxa de fachada, após reunião com empresários

A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) suspendeu as fiscalizações e notificações para o cumprimento …

WhatsApp chat