sexta-feira, 15/01/2021
UFS: eleição para reitor seguem sob investigação

UFS está sob intervenção do MEC; reitor é afastado

O Ministério da Educação e Cultura (MEC) afastou hoje, 23, do cargo de reitor da Universidade  Federal de Sergipe (UFS), o professor Valter Joviniano, ex-vice da gestão do professor Ângelo Roberto Antonioli. Foi nomeada como interventora a professora Liliádia da Silva Oliveira Barreto, do Departamento de Serviço Social. A intervenção está publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU).

Valter Santana tinha assumido a reitoria no  último dia 13, quando terminou o segundo mandato do reitor Ângelo Antoniolli.

A UFS fez eleição oficial no Colégio Eleitoral (Conselhos Superiores) este ano e nele o professor Valter Santana Filho foi o mais votado, sendo o primeiro da lista tríplice encaminhada ao MEC, com 37 votos. A lista tem ainda os nomes dos professores André Maurício Conceição de Souza, com 30 votos, e Vera Núbia Santos – com 9 votos.

Liliádia Barreto é professora do Departamento de Serviço Social da UFS, tem doutorado em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro; mestrado em Educação pela Programa de Pós-Graduação em Educação da UFS e especialização em Ensino na Saúde pela FioCruz.

 

Leia Também

Dentistas querem prioridade na vacinação contra a Covid-19

O Conselho Regional de Odontologia de Sergipe (CRO-SE) oficiou a Secretaria de Estado da Saúde …