segunda-feira, 23/09/2019
Início » Editorias » Segurança Pública » Polícia prende suspeito de matar delegado
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert
Ademir morreu quando passeava com o cachorro, perto de casa, no bairro Luzia

Polícia prende suspeito de matar delegado

Compartilhe:

A Polícia Civil de Sergipe prendeu hoje à tarde, 10, a pessoa que teria matado com três tiros, no dia 18 de julho, o delegado da corporação Ademir da Silva Melo Júnior, quando ele passeava com um cachorro,  próximo ao .prédio  em que morava, no bairro Luzia. As investigações ficaram sob a responsabilidade do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do Complexo de Operações Policiais Especiais (COPE) e estavam sendo mantidas em sigilo.

Hoje, a  Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgou uma nota informando sobre a prisão do acusado e marcou uma entrevista coletiva para esta quarta-feira, às 8 da manhã, na Sala de Imprensa da SSP. As primeiras informações, ainda não confirmadas, dão conta de que o criminoso teria tentando roubar o celular do delegado, que esboçou reação. Só que o policial não teria conseguido destravar a arma a tempo e o criminoso atirou primeiro.

Testemunhas disseram, no dia do crime, que o suspeito estava numa moto XRE, trajava camisa preta, usava o capacete na cabeça e carregava outro no braço.  E um detalhe: essa pessoa já estava nesse local há algum tempo.

Ademir foi aprovado no concurso para delegado da Polícia Civil no dia 25 de outubro de 2006. Ele era especialista em Gestão Estratégica em Segurança Pública e, antes da Delegacia de Estância, trabalhou em Pirambu, Nossa Senhora Aparecida, São Miguel do Aleixo e Lagarto. Ademir foi titular da 5ª Delegacia Metropolitana e passou pela Copcal. Ele deixou viúva, a promotora de Justiça, Caroline Leão.

Compartilhe:

Leia Também

Operação do Gaeco ocorreu em nove Estados; em Sergipe, o alvo foi o Hospital de Cirurgia

A  terceira fase da Operação Metástase desencadeada hoje em Sergipe, pelo Grupo de Atuação Especial …

WhatsApp chat