sábado, 05/12/2020
Laércio Oliveira: mais confiança dos empresários

Laércio é avaliado como o melhor parlamentar de Sergipe

O deputado federal Laércio Oliveira aparece em primeiro lugar em Sergipe entre deputados e senadores no ranking do  site  Políticos.org.br  criado para fornecer informações sobre quem é quem no Congresso Nacional. “A pontuação dos políticos é definida de acordo com os dados que obtemos sobre gastos, assiduidade, fidelidade partidária e processos judiciais. Consideramos como válidas as informações vindas de fontes oficiais, como sites governamentais e de veículos de mídia de primeira linha”, informa o portal.

O maior destaque do parlamentar foi na qualidade legislativa. “Avaliamos as votações das leis mais relevantes do Congresso. As pontuações são definidas por nosso Conselho de Avaliação de Leis levando em conta principalmente sua contribuição para o combate à corrupção, aos privilégios e ao desperdício de recursos públicos”, diz o portal.

Outro critérios avaliados no ranking são processos judiciais, gastos de verbas, privilégios e presença em sessões. O portal classifica os senadores e deputados federais do melhor para o pior. “Se votarmos em massa nos melhores, incentivaremos uma melhoria no panorama político do Brasil. Nossa meta é oferecer informação para ajudar de forma objetiva as pessoas a votarem melhor”, explica texto.

“Combate à corrupção, ao desperdício de recursos públicos sempre foram a tônica do meu mandato. Fico muito feliz quando o trabalho realizado é avaliado positivamente. Procuro sempre votar de acordo com os interesses da sociedade, gastar o mínimo possível das minhas verbas de Gabinete para fazer o melhor trabalho. Procuro apresentar projetos e relatá-los pensando na contribuição com a melhoria da qualidade de vida do povo do Brasil e especialmente de Sergipe”, afirmou Laércio.

Leia Também

Edvaldo Nogueira é prefeito pela quarta vez e poderá completar 20 anos no comando de Aracaju

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, PDT, foi reeleito com 150.823 votos (57.86% dos válidos) …