quinta-feira, 21/09/2017
Início » Editorias » Segurança Pública » Traficante foragido da Justiça baiana é preso em Aracaju
Rodrigo Bonfim vivia em um condomínio de luxo em Aracaju
Foto SSP-BA
Rodrigo Bonfim vivia em um condomínio de luxo em Aracaju Foto SSP-BA

Traficante foragido da Justiça baiana é preso em Aracaju

Share Button

Uma operação conjunta entre as Secretarias de Segurança Pública de Sergipe e da Bahia (SSP) culminou com a prisão de Rodrigo Ferreira do Bonfim, foragido da Justiça baiana e acusado de crimes de homicídio e tráfico de drogas. O meliante foi preso num condomínio luxuoso no bairro da Atalaia, zona sul de Aracaju, e deverá ser enviado para Salvador nas próximas horas.

Rodrigo era o ‘Nove de Espadas’ do Baralho do Crime da SSP e um dos mais procurados da Bahia. O foragido levava uma vida com alto padrão no luxuoso condomínio El Viso, situado no bairro de Atalaia. Segundo a polícia, ele comandou o tráfico no bairro de Massaranduba e Uruguai e é responsável por várias mortes.

O traficante e seus comparsas eram investigados por alguns homicídios ligados à comercialização de entorpecentes na região. A prisão foi decretada em maio pelo 1º Juízo da 2ª Vara do Tribunal do Juri de Salvador. “Rodrigo começou a comandar o comércio de drogas após a desarticulação da quadrilha de ‘Bibiu’ e ‘Leque’”, explicou o diretor do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP,) delegado José Alves Bezerra Júnior.

A prisão ocorreu em um condomínio de luxo localizado no bairro Atalaia, em Aracaju, e contou com total apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) da Polícia Civil de Sergipe. Foi montada uma força-tarefa realizada pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia, com o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil, Comando de Policiamento Especializado (CPE) da Polícia Militar e Polícia Federal de Sergipe.

O Baralho do Crime foi criado pela SSP da Bahia para estimular a participação popular na captura dos maiores criminosos do Estado. De acordo com o coordenador da força tarefa, major da Polícia Militar da Bahia, Marcelo Barreto, uma denúncia anônima ajudou a chegar até o bandido.

Share Button
WWebsites

Leia Também

Droga encontrada em residência no Ponto Novo

Gati apreende mais de 50 quilos de maconha no Ponto Novo

O Grupo de Ações Táticas do Interior (Gati) apreendeu, na noite da terça-feira, 10, cerca ...

Deixe uma resposta