terça-feira, 25/09/2018
Início » Colunistas » Antônio Carlos Garcia » Tiro pode ter atingido rede elétrica em Propriá; menina morreu eletrocutada
Duplichaves
Cidade de Propriá, onde ocorreu a tragédia Foto: Portal Sergipe Turismo

Tiro pode ter atingido rede elétrica em Propriá; menina morreu eletrocutada

Share Button

Que tiro foi esse?  Essa é a grande pergunta que os moradores do bairro Remanso, em Propriá, fazem para entender  como aconteceu a morte da garota Milena Rayane Silva Santos, de apenas nove anos, eletrocutada por fio de alta tensão da Energisa, no último sábado à noite. Em um vídeo que circula das redes sociais alguém diz que a queda do fio foi provocada por um dos tiros dados para cima por um homem. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que há uma investigação em andamento e que diversas pessoas já estão sendo ouvidas, mas não confirma esses tiros existiram ou não.

No vídeo, na altura de 1m03segundos, alguém diz que foram dados dois tiros, causando a queda do fio. “Foram dois tiros”, comentou uma pessoa. Assista:

O inquérito que apura a morte de Milena é presidido pelo delegado regional de Propriá, Antônio Wellington, que hoje pela manhã já começou a ouvir familiares da garota e algumas testemunhas. Quanto à possibilidade de ter havido um tiro e ter acertado o fio de alta tensão, a SSP prefere não falar nada sobre esse assunto e aguarda a conclusão do inquérito.

O adolescente Felipe Santos, que tentou salvar Milena, sofreu uma descarga elétrica e segue internado na unidade de tratamento de queimados do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Ele foi submetido a cirurgia e o quadro é estável.

Milena Rayane é terceira pessoa, somente este ano, que morre eletrocutada por um fio de alta tensão da Energisa. No início de janeiro, Érica Soares dos Santos, 23 anos, pisou num fio elétrico que estava embaixo da areia da praia, no povoado Lagoa Redonda, e morreu na hora.  No dia 1º de fevereiro, foi a vez do empresário Jailton Veríssimo Cardoso Júnior, 38, que morreu ao tentar tirar um fio de alta tensão que havia caído sobre seu carro. O acidente aconteceu na Praia da Costa, Barra dos Coqueiros, onde a vítima morava.

Share Button
WWebsites

Leia Também

Quem se salva?

Um ex-presidente preso, um ex-militar controverso e uma ex-ministra que só ressurge das matas amazônicas …

Comentários