sábado, 18/11/2017
Início » Editorias » Cidades » Sergipe perde mais de 5 mil empregos em 2015
Arrecadação do ICMS sofreu mais uma queda
Arrecadação do ICMS sofreu mais uma queda

Sergipe perde mais de 5 mil empregos em 2015

Share Button
Luiz Moura, economista do Dieese, diz que a taxa de emprego caiu no Estado. Foto: Jorge Henrique
Luiz Moura, economista do Dieese, diz que a taxa de emprego caiu no Estado.
Foto: Jorge Henrique

O Estado de Sergipe perdeu 5.178 empregos com carteira assinadas em 2015, o que representou uma queda anual de 1,68%. Os dados foram divulgados hoje, 22, pelo economista do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-Econômicos (Dieese), Luís Moura. Os setores de atividades que mais contribuíram para este desempenho foram a construção civil (-2.145 postos), a agropecuária (-1.388 postos) e o comércio (-979 postos).

Os dados analisados pelo economista são do Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego) do Ministério do Trabalho e Emprego. Em dezembro,  verificou-se um declínio de 0,74% no nível de emprego ou -2,250 postos de trabalho. Esse resultado, segundo Luís Moura, decorreu na queda em quase os setores, com destaque para construção civil, que perdeu 765 postos, e a indústria de transformação, com menos 629 postos de trabalho.

O resultado de Sergipe não difere do restante do país. O Brasil fechou exatas 1.542.371 vagas de trabalho em 2015, o pior resultado para o ano desde o início da série, em 1992. No ano, o total de empregos com carteira assinada caiu 3,74% em relação a 2014.

Em 2015, quase todos os meses tiveram corte de vagas. Apenas em março o número foi positivo. Em dezembro, foram 596.208 vagas a menos.  O número de empregos cortados é o saldo, ou seja, o total de demissões menos o de contratações no período. No ano passado, foram 17,7 milhões de contratações e 19,2 milhões de demissões, resultando no corte de 1,5 milhão de vagas.

O total de trabalhadores com carteira assinada no Brasil caiu para 39,663 milhões no final do ano passado, pior resultado desde 2012, quando foi de 39,646 milhões. Em 2014, o país tinha fechado o ano com 41,2 milhões de empregos.

Com informações do UOL

Share Button
WWebsites

Leia Também

conab

Pequenos agricultores sergipanos recebem R$ 738, 3 mil da Conab

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) está investindo R$ 738,3 mil em sete novos contratos ...

Deixe uma resposta