domingo, 16/06/2019
Início » Editorias » Política » Orlandinho, prefeito de Canindé, morre aos 57 anos
Duplichaves
O mandato de Orlandinho iria até 2020.

Orlandinho, prefeito de Canindé, morre aos 57 anos

Publicado em 5 de março de 2017, 15:35

O prefeito de Canindé do São Francisco, Orlando Porto de Andrade, conhecido como Orlandinho (PSD), morreu hoje, 5,  pela manhã, no Hospital São Lucas, em Aracaju, onde estava internado. Ele sofria com um câncer na garganta e seu quadro clínico piorou devido a uma pneumonia. Orlandinho faria 58 anos na terça-feira, 7.

O corpo foi levado para o velatório Osaf, onde permanecerá até às 14 horas, quando será levado para Canindé e ficará na Arena Carlos Magalhães. O sepultamento será na segunda, 6, no povoado Sítios Novos, em Canhoba, mas a família ainda não divulgou o horário.

Desde que a notícia da morte de Orlandinho foi confirmada pelo seu irmão, o ex-senador Kaká Andrade, através das redes sociais, que diversos políticos estão manifestando o pesar. Um dos primeiros foi o deputado estadual Luciano Pimentel, PSD. “À família Andrade, meu mais profundo pesar pelo falecimento de Orlandinho. Peço a Deus que nesta hora de tristeza conforte seus familiares e o povo Canideense, por quem Orlandinho era muito estimado. Vá em paz, irmão”.

O prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Padre Inaldo (PCdoB), disse, em nota, que foi surpreendido com a notícia da morte do colega prefeito”. Ele lamentou o fato, “ao tempo em que deseja à família, parentes, amigos e toda população daquele município que Deus possa dar conforto necessário neste momento de dor”.

Orlandinho foi eleito, em 2016, pela Coligação “Por Amor a Canindé”, com 12.796 votos, o que corresponde a 71,29% dos votos válidos. Ele foi eleito prefeito pela primeira vez em 2005, sendo reeleito em 2009.

JOB Connect - Coworking e Escritório VirtualPowered by Rock Convert

Leia Também

CUT diz que está tudo pronto para a greve geral

O secretário geral da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Sergipe, professor Rubens Marques, garantiu …