quarta-feira, 21/11/2018
Início » Editorias » Segurança Pública » Homem invade prédio da PF é preso, mas Justiça Federal solta
Duplichaves
Momento exato em que Wellington pula o muro da PF

Homem invade prédio da PF é preso, mas Justiça Federal solta

Share Button

A Polícia Federal prendeu, na madrugada de sábado para domingo, o ex-presidiário Wellington Santos Mota, por ter pulado o muro da superintendência e furtado quatro lâmpadas.  Wellington que estava no regime semiaberto, foi preso em flagrante, mas liberado pela Justiça Federal durante a audiência de custódia e responderá pelo crime em liberdade.  Ele já tinha pulado o muro da superintendência outra vez, mas acabou liberado por estar fazendo, apenas, necessidades fisiológicas no terreno.

Wellington circulando no estacionamento interno

A invasão ao prédio da superintendência foi confirmada pela delegada da PF, Mônica Horta, responsável pelo setor de comunicação da instituição.  Ao pular o muro, Wellington foi flagrado pelas câmeras de monitoramento da PF.

Wellington Santos Mota deu entrada pela primeira vez, no sistema penitenciário, em 2011 e foi liberado, mediante alvará de soltura, em 2013.  Dois anos depois, em 2015, foi preso por novo delito, sentenciado cumpria pena no Presídio Regional Senador Leite Neto, em Nossa Senhora da Glória.  Em 2016 progrediu para o regime semiaberto. Mesmo com essa folha corrida, ao invadir a superintendência da PF e furtar as lâmpadas, acabou sendo liberado pela Justiça Federal.

Share Button
WWebsites

Leia Também

PF prende suspeitos de ligações com facções criminosas

A Polícia Federal deflagrou hoje (20) a Operação Pregadura, para combater crimes cometidos por líderes de uma …