segunda-feira, 20/08/2018
Início » Editorias » Cidades » Filho de jornalista liga para o pai: acaba um desespero de 36 horas
Duplichaves
Nivaldo Cândido, com Luan, agradecendo

Filho de jornalista liga para o pai: acaba um desespero de 36 horas

Share Button

Depois de aproximadamente 36 horas desaparecido, o filho do jornalista Nivaldo Cândido, o jovem Nivaldo Luan Campos Cândido, 25 anos, ligou para o pai, por volta das 0h30 desta terça-feira, 13,  e disse que estava na casa de um amigo, no bairro Orlando Dantas. Acabava aí o desespero de uma família que mobilizou  o secretário de Segurança Pública, João Eloy Menezes, a Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), Polícia Militar e as redes sociais.  “Abrace mais seu filho, converse com ele, sabia quem são seus amigos”, essa é a mensagem de Nivaldo Cândido, agora pela manhã passada para todos através do Só Sergipe.

Ele aproveitou para agradecer o empenho das autoridades, dos jornalistas, radialistas e demais amigos através das redes sociais que se mobilizaram nestas últimas horas em busca do paradeiro do jovem. Numa rede social, Nivaldo Cândido escreveu,  pouco antes da 1 da manhã desta terça-feira: “Graças a Deus, localizei meu filho, já está comigo. Ele estava na casa do amigo no Orlando Dantas. Obrigado por tudo”.

Luan, como é mais conhecido, saiu do bairro Industrial, no domingo, 11, por volta do meio dia, dizendo que iria para casa da mãe, Maria Jacinta Campos, no bairro Aruana,  mas não chegou ao destino. Começava então o desespero da família para localizar o jovem que sofre de depressão.  Por volta das 14h30 da segunda-feira,  foi captada uma ligação do seu telefone da operadora Oi, justamente entre os bairros São Conrado e Orlando Dantas.

A partir daquele ponto, o telefone seguiu desligado, mas equipes da Polícia Militar, Dipol e amigos pelas redes sociais continuavam à procura do Luan. Por volta das  19 horas da segunda-feira, o jornalista Nivaldo Cândido recebeu a informação de que o filho teria sido visto no bairro América.  Ele foi até lá e constatou que não era o rapaz.

Fakes – Entre domingo e segunda-feira, foram divulgadas diversas informações nas redes sociais sobre Luan. Uma delas dizia que o rapaz já tinha sido encontrado, o que obrigou a mãe dele a gravar o áudio dizendo que tal informação não era verdadeira e solicitou a todos que continuassem a procurá-lo.

 

 

Share Button
WWebsites

Leia Também

Estácio de Sergipe abre curso de graduação em Estética e Cosmética

Em constante crescimento no Brasil, o mercado de estética exige profissionais preparados para executar procedimentos …