segunda-feira, 23/09/2019
Início » Segurança Pública » DHPP e Cope investigam assassinato de delegado
Rádio FecomercioPowered by Rock Convert
Ademir morreu quando passeava com o cachorro, perto de casa, no bairro Luzia

DHPP e Cope investigam assassinato de delegado

Compartilhe:

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e o Cope (Complexo de Operações Policiais Especiais) estão responsáveis para investigar o assassinato do delegado da Polícia Civil, Ademir da Silva Melo Júnior, que ocorreu na noite de hoje, 18, em frente ao condomínio onde ele morava, no bairro Luzia.  Ademir, que trabalhava em Estância, estava passeando com o cachorro quando um homem numa moto se aproximou e disparou três tiros no delegado, que tentou se esconder, mas foi perseguido. A vítima foi levada para o Hospital Primavera, mas não resistiu.

A Polícia Civil não descarta nenhuma hipótese para o crime: tentativa de assalto e execução são os motivos que mais se comentava na cena do crime hoje à noite.  De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) policiais estão nas ruas investigando o crime. Também está sendo verificado se há imagens no local onde aconteceu o homicídio: Alameda das Árvores, entre as ruas Roberto Peixoto e Luís Ricardo Soares.

Segundo testemunhas, o suspeito estava numa moto XRE, trajava camisa preta, usava o capacete na cabeça e carregava outro no braço.  E um detalhe: essa pessoa já estava nesse local há algum tempo.

Ademir foi aprovado no concurso para delegado da Polícia Civil no dia 25 de outubro de 2006. Ele era especialista em Gestão Estratégica em Segurança Pública e, antes da Delegacia de Estância, trabalhou em Pirambu, Nossa Senhora Aparecida, São Miguel do Aleixo e Lagarto. Ademir foi titular da 5ª Delegacia Metropolitana e passou pela Copcal. Ele deixa viúva, a promotora de Justiça, Caroline Leão.

Compartilhe:

Leia Também

Operação PC 27 prende 40 pessoas em Sergipe

A Polícia Civil de Sergipe prendeu 40 adultos e apreendeu dois adolescentes pelos crimes de …

WhatsApp chat