sábado, 23/03/2019
Início » Editorias » Negócios » Delegação sergipana é destaque no 36º Enacab
Duplichaves
O presidente da Fecomércio, Laércio Oliveira, discursa na Enacab

Delegação sergipana é destaque no 36º Enacab

Publicado em 23 de agosto de 2016, 19:15

Os empresários sergipanos participaram de forma maciça do 36º Encontro Nacional da Cadeia de Abastecimento (Enacab), promovido pela Associação Brasileira de Atacdistas e Distribuidores de Produtos Industrializados (ABAD), em São Paulo. A delegação liderada pelo Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor do Estado de Sergipe (Sincadise), composta por mais de 130 empresários, foi a maior da região Nordeste, em termos proporcionais ao número de empresas relacionado aos empresários do estado. E por iusso, recebeu um troféu e um prêmio de R$ 3.000 por ter a maior delegação do nordeste no evento.

O Enacab, para os empresários sergipanos foi um evento especial, já que contou com a participação do vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e presidente da Fecomércio Sergipe, Laércio Oliveira, que debateu sobre as perspectivas de recuperação econômica do Brasil, no painel “Reconstruindo o Brasil”, que contou com a presença do jornalista Ricardo Boechat, da Rede Bandeirantes de Televisão, como mediador. Laércio falou sobre os caminhos para a retomada do crescimento econômico do Brasil, com foco no alcance da estabilidade política. Oliveira destacou que já há condição de recuperação para a economia brasileira.

“Antes, me perguntavam se eu via uma luz no fim do túnel, eu dizia que nem dava pra ver o túnel. Entretanto, as coisas estão mais claras e a economia começa a apresentar sinais de recuperação. A economia brasileira saiu da UTI e encontra-se em estado de convalescência. Precisamos ter menos Brasília e mais Brasil para que o ciclo econômico se fortaleça e volte à boa fase”, destacou Laércio Oliveira em seu pronunciamento.

O evento contou com a participação do sociólogo e ex-presidente da república, Fernando Henrique Cardoso. Em sua palestra, FHC discorreu o tema “Desenvolvimento Socioeconômico do Brasil”. Entre os temas abordados, Fernando Henrique falou da importância do empreendedorismo; da qualidade da nossa indústria, comércio e agricultura; do momento político-econômico difícil; dos erros e acertos que levaram o Brasil ao problema vivido na atualidade.

“Precisamos de mais educação, de mais responsabilidade. Os homens (os políticos) podem errar, são humanos, mas é preciso ter a responsabilidade de admitir o erro, sem mentiras, explicando o que fez e porque fez. No mundo globalizado de hoje queiramos ou não somos todos iguais e temos de nos comportar de forma decente”, disse Fernando Henrique.

Sergipe enviou um grande número de empresários do ramo de comércio atacadista, varejista e distribuidor, além de gestores empresariais. As cidades de Aracaju, Itabaiana, São Domingos, Nossa Senhora da Glória, Umbaúba, Lagarto, Nossa Senhora do Socorro, entre outros municípios estiveram representadas pelos empresários do setor. O presidente do Sincadise, Juliano César Souto, foi reconduzido para a vice-presidência da ABAD, em votação dos empresários presentes, o que mostra a participação importante do empresariado sergipano nas maiores entidades empresariais do comércio brasileiro. Laércio Oliveira na CNC e Juliano César na ABAD.

 

 

 

Leia Também

Empresários paranaenses querem investir em Sergipe

Um grupo de 10 empresários de Londrina, no Paraná, de diversos segmentos, como telemarketing, construção …