domingo, 26/05/2019
Início » Editorias » Esportes » Corredores sergipanos invadem Salvador na Farol a Farol
Duplichaves
Atletas concluindo a Farol a Farol

Corredores sergipanos invadem Salvador na Farol a Farol

Publicado em 5 de setembro de 2016, 16:32

Dezenas de sergipanos participaram, no domingo, 4, em Salvador, da sexta edição da Meia Maratona Farol a Farol, um percurso de 21 quilômetros, saindo do Farol de Itapoan ao Farol da Barra.  Um dos grupos de atletas de Aracaju foi levado para capital baiana pela Conceito Soluções Esportivas e reuniu corredores das assessorias LíviaTeam, Geraldo Filho Run Clube e Wendel Seta, numa média de 70 pessoas. Nessa equipe teve gente que, pela primeira, se desafiou a correr a Meia Maratona, a exemplo de Lívia Pires, que completou a prova em 2h22min, embora tenha programa chegar entre 2h30min e 2h40min.

Lívia e Wilson correram juntos os 21 km
Lívia e Wilson correram juntos os 21 km

Lívia, personal da LíviaTeam, disse que a prova foi uma “grande vitória” na sua vida esportiva. “Fui muito bem acompanhada pelo meu marido Wilson Amaral, um grande incentivador.  A vida é uma corrida, tem desafios e você vai lá e supera”, ressaltou.  Agora, com essa experiência, ela se prepara para outros desafios esportivos.

Para receber os alunos das três assessorias, foi montada ao lado do pórtico de chegada da prova, uma super tenda, com os clubes LiviaTeam, Geraldo Filho Run Clube e Wendel Seta. A assessoria LíviaTeam levou para Salvador um trabalho de reabilitação dos corredores chamado recovery, que é uma piscina com gelo onde o atleta entra por alguns minutos após chegar da prova. Como o gelo é um anti-inflamatório, o corredor não sentirá dores musculares no dia seguinte. Para completar, havia, também, um massoterapeuta.

Para deixar tudo disponível para os corredores, foi preciso acordar muito cedo, às 3 da manhã, a fim de montar a  super tenda. “E às 4 horas, já tínhamos café da manhã para os corredores”, lembrou Geraldo Filho, na Geraldo Filho Run Clube.

No percurso de 21 quilômetros, os corredores tiveram a companhia do mar. Isso mesmo, pois quase toda prova foi a beira mar.  O sol não estava muito forte na manhã de domingo e em alguns momentos choveu um pouco refrescando os atletas. Para que os atletas sergipanos desfrutassem do cenário da orla de Salvador e corressem numa das provas mais importantes do calendário esportivo da Bahia, o trabalho das assessorias esportivas e da Conceito, que organizou a excursão, começaram bem mais cedo.

Show de bola – “Nós nos dedicamos há dois meses nessa preparação e saímos muito satisfeitos com o resultado. Turma super disposta e animada, completaram seus objetivos com êxito e tiveram nosso apoio o tempo todo”, disse Flávia Luana Andrade, da Conceito.

Todos os atletas que foram à excursão receberam uma camisa de brinde para fácil localização e segurança, identificação e acesso à tenda pós prova. “Após uma corrida foi uma linda comemoração, todos felizes com seus resultados. Providenciamos um café da manhã para reposição energética e hidrolítica, bem como massagem e alongamento para recuperação. Na volta para Aracaju (que ocorreu na tarde de domingo), além das medalhas na bagagem, levamos muitas lembranças de um final de semana de alegrias e conquistas”, ressaltou Flávia Luana.

Luciana Ramos: "corrida show de bola"
Luciana Ramos: “corrida show de bola”

E por falar em alegria, a atleta Luciana Ramos estava muito empolgada com a performance na prova dos 21 quilômetros. “Foi uma das melhores meias maratonas que já fiz, com o tempo de 2h06min”, disse. Em outra edição da Farol a Farol ela lembra que fez os 21 km em “duas horas, trinta minutos prá lá de cacetada”, brincou. Para ela, a corrida foi “show de bola. Parece até que eu estava em Aracaju. É uma prova que recomendo para todo mundo”.

JOB Connect - Coworking e Escritório VirtualPowered by Rock Convert

Leia Também

Confiança empata com o Náutico no Baptistão

O Confiança empatou com o Náutico, hoje, 25, no Baptistão, em 1×1 pela quinta rodada …