quarta-feira, 22/05/2019
Início » Editorias » Negócios » Arrecadação federal cresce em Sergipe
Duplichaves
Os valores arrecadados em março foram menores que em fevereiro

Arrecadação federal cresce em Sergipe

Publicado em 21 de agosto de 2015, 19:15

A arrecadação dos tributos federais em Sergipe (R$ 347,7 milhões), no mês de julho, cresceu 1,2% em comparação a igual período do ano passado. E em relação a junho deste ano, houve um incremento de 13,4% em termos reais (valores descontados pela inflação). Os dados são do Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Receita Federal.

Em julho deste ano, a principal fonte da arrecadação foi a receita previdenciária, que somou R$ 145,6 milhões, respondendo por 44% do total arrecadado. Em seguida, se destacou a arrecadação do Imposto de Renda (IR) que alcançou R$ 82,9 milhões e respondeu por 21,1% do arrecadado.

O recolhimento da Contribuição para Financiamento da Seguridade Social – COFINS –ficou em R$ 44,6 milhões, enquanto que o recolhimento da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – CSLL – chegou a R$ 20,1 milhões. Para o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), a soma foi de R$ 5,9 milhões, com destaque para o IPI sobre bebidas.

Leia Também

Sem política de turismo, Sergipe perde oportunidades; jornalistas do sul não conhecem o Brasil

O Governo de Sergipe, que não tem uma política de Estado para o turismo e …